quinta-feira, 19 de março de 2020

Igreja Católica suspende missas por tempo indeterminado para evitar contágio de coronavírus no RN


Os bispos da Igreja Católica no Rio Grande do Norte expediram um decreto que suspende missas nos seus templos em todo o Rio Grande do Norte. A medida vale a partir desta sexta-feira (20), por tempo indeterminado, e visa intensificar a prevenção ao novo coronavírus - o Covid-19.

De acordo com o decreto, apenas catedrais e igrejas matrizes de cada paróquia poderão fazer celebrações a portas fechadas e com equipe reduzida, para que sejam transmitidas ao vivo pela internet ou por emissoras de rádio.

Confira as últimas notícias sobre coronavírus no RN

"Os fiéis poderão ainda assistir às missas pelas emissoras de TV de inspiração católica", afirma o documento, assinado pelo arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha e pelos bispos de Mossoró e Caicó, Mariano Manzana e Antônio Carlos Cruz Santos. Veja aqui.

Ainda conforme o documento, confissões devem ser realizadas somente em caso de "real necessidade", tomando os devidos cuidados, assim como a unção dos enfermos e a celebração das exéquias.

"No tocante às celebrações do Sacramento do Matrimônio e do Batismo, recomendamos que sejam transferidas para um tempo oportuno. Não sendo possível a transferência de Matrimônio, seja celebrado em privado, com reduzido número de pessoas".

Templos seguem abertos

Os bispos ordenaram, no entanto, que os templos permaneçam abertos para que os fiéis que quiserem possam fazer suas orações particulares, respeitando as normas sanitárias.

Principalmente aos idosos e o público de risco, a orientação da igreja é que se mantenham em suas casas como uma medida protetiva, "em espírito quaresmal de oração e penitência".

Assembleia Legislativa do RN suspende atividades por causa do coronavírus


Os deputados estaduais do Rio Grande do Norte aprovaram na manhã desta quarta-feira (18) a suspensão das atividades legislativas e administrativas da Assembleia Legislativa Estadual por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A aprovação do requerimento assinado pelos parlamentares médicos foi feita à unanimidade.

O requerimento assinado pelos deputados Albert Dickson (PROS), Bernardo Amorim (Avante), Galeno Torquato (PSD), Getúlio Rego (DEM) e Vivaldo Costa (PSD), que são médicos, trata da imediata suspensão de todas atividades administrativas e legislativas no legislativo potiguar diante da “situação de emergência enfrentada pelo Brasil, afetado pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19) já declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A palavra do momento é proteção e, por isso, elaboramos esse documento face à atual situação de emergência no Brasil”, disse Galeno Torquato (PSD), presidente da Comissão de saúde.

Os deputados apartearam Galeno Torquato (PSD) destacando as medidas preventivas. “Estamos diante de uma grande guerra contra um vírus que se encontra em seu pior momento: o da mutação”, acrescentou o deputado Alberto Dickson (PROS), que também subscreveu o requerimento.

Após a leitura e aprovação do requerimento em Plenário, a Mesa Diretora aprovou e assinou ato que suspende todas as atividades legislativas e administrativas do Poder Legislativo por quinze dias, a partir desta quinta-feira (19).

Sobre a convocação extraordinária, o ato dispõe que o Plenário poderá se reunir “excepcionalmente”, por convocação do Presidente, para a deliberação de matérias que exijam o pronunciamento urgente do Poder Legislativo ou que possuam importância para o Rio Grande do Norte e seus cidadãos.

O ato será publicado oficialmente nesta quinta-feira (19) no Boletim Eletrônico da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, segundo informou o Legislativo.

Câmara Municipal de Currais Novos modifica funcionamento a partir desta quinta (19)



A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Currais Novos, por meio de portarias, modificou o funcionamento da Casa em razão da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). A medida foi publicada no Diário Oficial da Fecam e passa a valer a partir desta quinta-feira (19). As alterações dizem respeito a suspensão do atendimento presencial ao público externo e autorização do regime de teletrabalho aos servidores com mais de 60 anos ou portadores de doenças crônicas.

O acesso à Câmara e às Sessões Plenárias estará restrito aos servidores públicos da Casa e aos parlamentares. Apenas o setor de Protocolo vai continuar prestando atendimento ao público externo para receber documentos. As portarias estarão em vigor até o dia 31 de março, quando a Mesa Diretora vai divulgar novo posicionamento. Nesse período, o atendimento será feito por telefone (3412-1567).

terça-feira, 17 de março de 2020

Município de Currais Novos suspende aulas nas unidades de ensino municipais


A partir desta quarta-feira (18), estão suspensas as aulas em toda a rede municipal de educação de Currais Novos, por um período de 15 dias. A decisão foi tomada seguindo a determinação estadual da governadora Fátima Bezerra, decretada após se reunir com o Comitê de Emergências em Saúde Pública e a secretaria de Estado da Educação, na manhã de hoje (17).


Governo do RN suspende aulas nas escolas públicas e privadas por causa do coronavírus


As aulas das redes pública e privada de ensino do Rio Grande do Norte foram suspensas por tempo 15 dias, anunciou o Governo do Estado nesta terça-feira (17). A medida tem o objetivo de evitar contágio do novo coronavírus, o Covid-19, e vale a partir desta quarta-feira (18), segundo afirmou a governadora Fátima Bezerra (PT) em vídeo publicado nas redes sociais.

Segundo a governadora, a iniciativa foi tomada após reunião com representantes dos municípios, do sindicato das empresas privadas, além de conselhos estaduais.

Logo após o anúncio, o prefeito de Natal, Álvaro Dias, também informou a suspensão das aulas na rede municipal a partir da mesma data. No caso da capital, os 15 dias serão contados como antecipação das férias do meio do ano.

De acordo com o Secretário de Educação, Getúlio Marques, a medida abrange cerca 1 milhão de alunos, praticamente um terço da população estadual. São aproximadamente 220 mil da rede estadual, 600 mil da rede municipal e cerca de 170 mil da rede privada.

Segundo ele, a medida tem o objetivo de reduzir o deslocamento e a interação social dos alunos, para evitar contágio.

"No decorrer dessa semana, a Sesap e a Secretaria de Educação vão, juntas, promover um período de formação, planejamento e preparação dos estudantes e suas famílias para esse período de suspensão. Após esses 15 dias serão feitas avaliações periódicas para saber se o prazo será estendido ou não", informou o governo.

Até esta terça-feira (17), só há um caso de infecção pelo novo coronavírus diagnosticado no Rio Grande do Norte.

Por G1RN

terça-feira, 10 de março de 2020

Governo do RN não apresenta contraproposta e professores permanecem em greve


Categoria decidiu manter paralisação após assembleia nesta segunda-feira (9).

A pós acabar o prazo para uma contraproposta do governo, professores da rede estadual de ensino decidiram pela continuação da greve no Rio Grande do Norte. A assembleia geral da categoria aconteceu na manhã desta segunda-feira (9), na Escola Estadual Winston Churchill, no bairro de Cidade Alta, em Natal.

Sem acordo com o governo, os professores decidiram que farão um ato unificado na frente da governadoria, na quarta-feira (11), com intuito de fortalecer o movimento. A próxima assembleia está marcada para a tarde da sexta-feira (13), também na Escola Estadual Winston Churchill.

Entre as reivindicações da categoria, estão a cobrança pelo reajuste de 12,84% nos salários dos professores, além do pagamento retroativo referente a janeiro e fevereiro.
Nos colégios estaduais da capital potiguar, professores têm se reunido para decidir o funcionamento das instituições.
Segundo o Sinte, a proposta apresentada pelo governo é de pagar o reajuste nos meses de julho, agosto e dezembro para os trabalhadores ativos, e nos meses de agosto, outubro e dezembro para os aposentados.
Já as parcelas do retroativo, seriam pagas apenas em 2021 e 2022. A categoria não concordou com a sugestão e optou pela deflagração da greve.
Durante a assembleia, a equipe do Agora RN entrevistou o professor Cleber Leite. Segundo o profissional da educação, os 12,84% é um direito da categoria, não é um aumento, é uma correção do salário baseada na lei. Cleber também pediu mudanças na forma que o Sinte está agindo em público: "Precisamos que o nosso sindicato se posicione firmemente em favor da categoria".

terça-feira, 3 de março de 2020

Açude Dourado de Currais Novos transbordando




O Açude Dourado em Currais Novos, transbordou no inicio da madrugada desta terça-feira (3), as 00:46 minutos. A sangria foi comemorada pelos curraisnovenses que estiveram ansiosos desde das primeiras chegada das águas, videos e fotos já circulavam no momento da pouca água que ainda passava pela parede do sangrador, já no inicio da manhã de hoje a comemoração foi ainda maior, os moradores que estiveram as margens do reservatório soltaram fogos em forma de agradecimento.

A sangria do Açude Dourado não acontecia desde 22 de maio de 2011. A capacidade total do Açude Dourado é de 10.321.600 m³.

Neste sábado 07, as 5h terá uma caminhada penitencial saindo da Matriz de Sant'Ana em seguida com uma Santa Missa, na parede do Acude.