sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Currais Novos: Prefeitura e direção do Hospital Regional de Currais Novos pediram à SESAP agilidade na liberação dos leitos da UTI


A liberação do funcionamento dos leitos da UTI – Unidade de Terapia Intensiva e de internamento do Hospital Regional “Dr. Mariano Coelho” de Currais Novos foram alguns dos assuntos abordados durante reunião na manhã desta sexta-feira (27) na Secretaria Estadual de Saúde Pública com a participação do prefeito e vice do município, Vilton e João Gustavo, do secretário estadual de saúde, Ricardo Lagreca, da secretária municipal de saúde, Luziane Guimarães, do diretor do HRMC, Dr. Arimateia Bezerra, além de técnicos da SESAP. Vilton Cunha disse que a liberação do funcionamento dos leitos da UTI e de internamento é extremamente urgente tendo em vista que o fechamento causa prejuízo para a região e para o município. “Estamos aqui para buscarmos uma solução definitiva para este problema para que os curraisnovenses e a população da região possam usufruir do atendimento deste hospital tão importante”, disse Vilton.
Outras demandas foram discutidas durante a reunião, tais como: agilidade no termo de cooperação entre a SESAP e Secretaria Municipal de Saúde para a estruturação, manutenção e reabastecimento do Hospital; pactuação com o Estado para o funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na Policlínica (antigo PA da Unimed); aquisição de uma ambulância; revisão dos recursos pactuados para o Hospital Regional, e revisão do PPI. O prefeito Vilton Cunha se disse preocupado com os casos de microcefalia no estado e pediu empenho da SESAP em uma politica mais drástica no combate ao mosquito transmissor da dengue. “Em Currais Novos estamos combatendo os focos e mobilizando a população sobre os cuidados com o mosquito, e conseguimos diminuir os casos, combate este que deve ser intensificado em todo o Estado”, disse Vilton. De acordo com a secretária Luziane Guimarães, a SESAP entregou o alvará de liberação de funcionamento de parte dos leitos da UTI e de internamento, onde esta redução no número de leitos é provisória até que haja a readequação das exigências. O grupo gerador de energia também deverá estar funcionando a partir deste sábado (28).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

teste teste